domingo, 23 de setembro de 2012

Claudio Cupertino no Museu do Louvre, Paris

Claudio Cupertino ao lado da Vênus de Milo, no Museu do Louvre, Paris, França.

Estátua da Grécia Antiga, pertencente ao acervo do Museu do Louvre, situado em Paris, França.
A história de sua descoberta em 1820 na ilha de Milo, então parte do Império Otomano, e a forma como perdeu o
s braços, foram narradas pelas fontes primitivas em versões contraditórias que nunca puderam ser totalmente esclarecidas, mas depois de sua aquisição pela França, foi imediatamente exposta no Louvre, oficialmente como uma obra-prima de maior prestigio geração da clássica e atribuída ao círculo de Praxíteles, tornando-se uma celebridade instantânea e um motivo de orgulho nacionalista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário